Vereador Alexandre homenageia José Renato, menino que faleceu de câncer

por Stefani Brearley Cordeiro publicado 09/05/2018 13h31, última modificação 09/05/2018 13h31

O vereador Alexandre Cobra Cyrino Nicoliello Vêncio (Alexandre Cachorrão) homenageou na sessão desta segunda, 07 de maio, o menino José Renato nomeando uma rua do Conjunto Habitacional Jardim Nossa Senhora de Fátima, que passará a ser chamada de Rua "José Renato Lopes Medeiros".

O menino José Renato Lopes Medeiros nasceu em Assis no dia 9 de fevereiro de 2009. O garoto que era bastante carismático e ativo, foi diagnosticado com câncer na tíbia, um osso do corpo humano, em 2016. No dia 22 de março do mesmo ano, passou por uma cirurgia para a amputação da perna direita. A amputação não abalou sua força, ele continuou lutando e fazendo quimioterapia. Porém as quimioterapias não tiveram sucesso e o câncer cresceu, tomando todo o pulmão do garoto que faleceu no dia 7 de novembro de 2016, com apenas 7 anos de idade.

Durante o período em que José esteve em tratamento, seus pais criaram uma página do Facebook, “O Incrível José Renato”, para dar notícias aos familiares e amigos sobre o tratamento. Eles postavam fotos e vídeos e muitas pessoas se sensibilizavam com a história de luta contra o câncer de um assisense tão novo. Várias pessoas famosas foram contatadas pelos amigos do José e enviaram vídeos desejando que ele vencesse o câncer. Também houve uma festa no colégio onde o garoto estudava, para arrecadar dinheiro para ajudar em seu tratamento e na compra de uma prótese. A festa foi importante porque, durante o tratamento em São Paulo, José sentia falta da cidade de Assis e, principalmente dos amigos e dos professores da escola. Neste dia, o qual muitas pessoas de Assis consideram uma despedida, José pode brincar com seus amigos, rever os professores, além de estar com seus familiares na sua cidade natal.

O vereador Alexandre Cachorrão, ao fazer a leitura da homenagem ao garoto na tribuna, emocionou pais, familiares e amigos que estavam presentes na Sessão. “Na noite de hoje homenageamos um anjo, um menino que partiu muito cedo, mas deixou um legado e uma história de luta e perseverança”. Em seguida, o projeto foi aprovado por unanimidade.

Fonte: Câmara Municipal de Assis